Você sabia que o mercado de artesanato movimenta 50 bilhões por ano e sustenta 10 milhões de pessoas? (Fonte: Revista Pequenas Empresas & Grandes Negócios).

O nicho de artesanato é uma excelente opção para quem precisa de uma renda extra, ou para quem faz desta profissão a sua principal fonte de renda. Pensando nisto, preparamos para você 6 maneiras de ganhar dinheiro com artesanato.

ARTESANATO PARA QUARTO DE BEBÊ.

Decoração para quarto de bebê

 

Decorar um quarto de bebê é uma das tarefas mais marcantes paras as mamães que estão à espera de seus filhos. E cada vez mais, procura-se por objetos personalizados, com temas infantis e o nome do bebê compondo a decoração de todo o ambiente.

Cortinas: elas são fundamentais para manter o equilíbrio da luminosidade do quarto sem contar no charme que promove ao ambiente. Muitas mamães têm apostado nas cortinas feitas sob medida.

Para quem trabalha com costura e decoupagem, sintonizar as cores e os temas é a principal missão. Os valores cobrados podem variar de 100 até 600 reais.

Não se esqueça de um detalhe importante. Tenho que te dizer pouco valerá seu esforço em fazer tantas coisas fofas e incríveis, se não houver capacitação para vender seus produtos. Portanto, pesquise maneiras de promover seu produto.

Temos um artigo que vai abordar melhor este assunto que fala como vender pelo Facebook. Recomendo fortemente que você invista um pouco do seu tempo neste assunto.

Quadros decorativos: envolvendo vários temas infantis, como safari, príncipe e princesa, balões, nuvens e estrelas, fadas, e muitos outros; os quadros decorativos podem ser feitos de MDF recortado, pinturas em tela, opções 3D (geralmente de feltro ou tecido), com iluminação, com ou sem molduras. Enfim, tem-se uma variedade de opções para o artesão trabalhar.

Os valores dependem da quantidade, pois geralmente são confeccionados como kits de três ou quatro peças. Um kit personalizado, com o nome do bebê e tema infantil, com quatro peças, pode ter valor comercial acima de 125 reais.

Mobile: geralmente confeccionados com feltros e tecidos, os mobiles garantem o entretenimento da criança, além de promover delicadeza na decoração do quarto. Os valores cobrados variam entre 30 a 300 reais.

Kits de higiene: confeccionados com MDF, os kits de higiene ganham beleza com fitas, pérolas, papéis e tecidos de decoupagem e pintura artesanal. Os valores também são proporcionais a quantidade de peças do kit.

Geralmente, os kits compõem: farmacinha, abajur, lixeira, bandeja, porta fraldas, potes P, M e G. Um kit com oito peças pode ser vendido de 150 a 350 reais.

Kit de berço: geralmente são confeccionados com 8 peças (1 protetor cabeceira, 2 protetores laterais, 1 balinha, 2 lenções, 1 fronha e 1 edredom).  

Vale da criatividade do artesão para incrementar a quantidade de peças e sugerir para as mamães a composição completa personalizada, incluindo kit bi cama, cortina, trocador, saída de berço e mosqueteiro. Os valores podem variar de 300 a 1500 reais.

Tapetes: confeccionados de vários artigos, como crochê, patchwork, pelúcia e fru-fru (feito com poliéster antialérgico e com antiderrapante); os tapetes agregam valor na decoração. As várias técnicas utilizadas, no crochê por exemplo, permitem modelos diferenciados.

Aqui, cabe também a criatividade do artesão para compor kits com almofadas. Os valores dependem do tamanho, do material a ser utilizado e da técnica adotada, mas podem ser encontrados de 80 a 950 reais.

SAPATINHOS ARTESANAIS DE TRICÔ

Sapatinhos artesanais de crochê

 

Outro item de grande importância no enxoval de bebê são os sapatinhos. Os modelos confeccionados em tricô são uma excelente oportunidade de ganho para os artesões.

O detalhe mais importante na confecção de sapatinhos de tricô é o material utilizado. As lãs destinadas para crianças que estão em fase de desenvolvimento, apresentam características específicas como: fios 100% acrílico e antialérgico.

Com espessura médias, estes fios são ideais para a criação de sapatinhos de tricô.

Eles podem ser encontrados nos mais variados modelos. Pensando nisto, separamos algumas dicas para despertar a imaginação dos artesões.

USANDO LÃS MESCLADAS: o universo dos bebês permite a utilização de muitas cores e se a mamãe não errar na combinação dos sapatinhos com a roupinha, a escolha de uma peça confeccionada em tons mesclados é maravilhosa.

Geralmente, as lãs próprias para bebês são encontradas em tons pastéis, mas nada impede de uma mescla de cores vivas. O artesão pode fazer uso de restos de lãs em diferentes tons ou optar pelo novelo de lã de cores mescladas. Este último é mais utilizado e permite um melhor acabamento na peça.

TIRAS CRUZADAS: um modelo de sapatinho de lã com tiras que se cruzam é uma boa indicação, pois torna-se mais difícil de perdê-los. Não é difícil encontrarmos mães reclamando que seus bebês perderam um pé do sapato no meio do caminho.

Os botões com formatos infantis (bolinha, avião, violão, lacinho, etc) incrementam o modelo deixando-o ainda mais delicado.

SAÍDA DE MATERNIDADE E BATIZADO: com toda certeza estes dois momentos são muito esperados e marcantes na vida da família.

As mamães de forma geral se preocupam em elaborar o enxoval do bebê não esquecendo das roupinhas que serão usadas na saída da maternidade e no dia do batizado.

Geralmente, o tom de branco é o preferido, tanto para meninos como para meninas. Então, aqui vai uma dica certeira para os artesões. Investir em sapatinhos de lã na cor branca é venda garantida e você não precisa esperar encomendas.

O branco é uma peça que pode fazer parte dos seus produtos de pronta entrega.

ESTILO BOTINHA E ESTILO SAPATILHA: aqui estão duas dicas de sucesso para sapatinhos de lã. Os sapatinhos estilo botinhas possuem o cano mais longo e são excelentes opções para o inverno.

Já, os modelos estilo sapatilhas, são confortáveis para o verão. Em ambos os modelos o artesão pode fazer uso de fitas decorativas, pérolas, botões, strass e outros acessórios que incrementam a modelagem e enchem os olhos das mamães.

GUIRLANDAS

Guirlanda decorativa

 

As guirlandas são enfeites de portas e ficaram famosas por sua utilização na decoração natalina. Mas hoje, pode se utilizar as guirlandas como peças decorativas em vários ambientes e para todo tipo de comemoração ou evento.

O feltro é o material mais utilizado para guirlandas na atualidade. Acompanhado por materiais como tecidos de algodão, manta acrílica e fibra de silicone, as guirlandas tomam os mais variados formatos e modelos criados por seus artesões.

Os feltros, assim como os tecidos de algodão, servem para o revestimento. Já a manta acrílica e as fibras garantem corpo e estrutura para as peças.

Para aguçar sua criatividade, vamos dar algumas dicas de modelos de guirlanda que podem lhe trazer uma bela renda-extra.

GUIRLANDA DE FELTRO PARA MATERNIDADE: a preocupação em garantir a perfeição de um momento tão especial como o nascimento de uma criança, gera a demanda por guirlandas que podem servir de decoração e de identificação para os quartos de maternidades. O nome do bebê vem descrito na guirlanda e a peça fica ainda mais charmosa com temas infantis.

Ursinhos, unicórnios, fadas, temas de marinheiro, coroas de princesas e príncipes; enfim, são muitos os modelos que fazem desta peça decorativa uma excelente opção de trabalho para os artesões.

Após a saída da maternidade, esta guirlanda personalizada pode fazer parte da decoração do quartinho do bebê.

GUIRLANDA DE FELTRO PARA CHÁ REVELAÇÃO: as festas de chá revelação, onde os pais revelam aos parentes e amigos qual o sexo da criança é mais uma oportunidade para se incrementar uma guirlanda infantil.

“Metade rosa, metade azul”: é assim que se decora este tipo de evento, e a guirlanda pode ser usada em um painel de fundo dos locais destinados para fotografias.

Aproveitar estas tendências de eventos, que com o decorrer dos anos vão tomando outros formatos, é uma oportunidade de empreendimento no artesanato. 

É um mercado que sempre tem grandes oportunidades. Para tirar o máximo de aproveito desse marcado tão promissor, recomendo fazer pesquisa e aprender como vender seus produtos pelas redes sociais. Temos um artigo que de fala de Como Vender Pelo Facebook, talvez te interesse.

GUIRLANDAS DE FELTRO PARA CASAMENTOS, NOIVADOS E BODAS: guirlandas feitas com flores de feltro brancas tornam a decoração de painéis em casamentos e noivados ainda mais harmonioso.

Já para as bodas, vale saber quantos anos de casamento o casal está comemorando.

Uma sessão de fotos para uma comemoração de dois anos de casamento, requer uma guirlanda de feltro com a utilização de algodão. Já para as bodas de 17 anos de união, rosas coloridas de feltro trazem o significado da comemoração.

As bodas mais tradicionais para festas, são as bodas de 25 anos e 50 anos de casamento. Estas, por sua vez, representam bodas de prata e bodas de ouro. Utilizar cores correspondentes a estas bodas na confecção da guirlanda é indispensável.

E vale lembrar das guirlandas tradicionais que também podem incrementar seu orçamento: guirlandas de páscoa, guirlandas de natal e guirlandas de boas-vindas.

Tudo vale da criatividade, do material utilizado e do tempo empregado na obra, mas uma guirlanda pode ser vendida de 40 a 250 reais.

BONECAS DE PANO

Bonecas artesanais em tecido

 

Um estudo feito com mais de 3500 artesões no Brasil, identificou que quase um terço (31%) sustentam de duas a quatro pessoas com os lucros obtidos na venda de bonecas de pano.

Como pode perceber, é um Nicho de mercado com grande potencial e que deve ser explorado. Inclusive temos um artigo que vai fazer você entender o que é um nicho de mercado.

Um modelo mais simples de boneca, usado para brincar, pode ser vendido por cerca de 60 reais. Mas existem as bonecas de colecionadores e para enfeites de decoração, estas podem chegar a mais de 200 reais a unidade.

Os ganhos mensais variam muito, mas giram em torno de 2 a 4 mil reais por mês, para artesões focados neste empreendimento. (Fonte: Jornal Gazeta do Povo)

Com base nestes dados, pode-se confirmar que a produção de bonecas de pano é um ótimo empreendimento na atualidade. Na verdade, elas existem há muito tempo, mas nos últimos anos têm ganhado espaço não só como brinquedo para as crianças.

As bonecas de pano, vêm ganhando valor no mercado de decoração de eventos.

Os modelos são os mais variados possível e os principais materiais utilizados são: algodão (para o enchimento das bonecas), botões (geralmente usados para dar forma aos olhos), novelos de lã (para construir os cabelos) e tecidos (bege para a pele e coloridos para o corpo).

Vamos sugerir alguns modelos de bonecas de pano, afim de que você tenha um bom portfólio para apresentar aos seus clientes.

BONECAS COM CARACTERÍSTICAS RACIAIS: que tal uma boneca japonesa, com olhinhos puxados e roupas com características orientais?

Este é o diferencial para quem quer ter sucesso neste empreendimento. Inovar! Encontramos muitas bonecas de pano, mas todas com as mesmas características. Porque não uma boneca com características africanas? Crie e invente modelos inovadores.

BONECAS COM TEMAS DECORATIVOS: para uma festa caipira, com tema de fazendinha ou até mesmo uma festa junina, um casal de bonecos de pano fazendeiros é uma ótima opção. Personagens de grandes histórias como:

O Sítio do Pica-pau Amarelo, Minnie e Mickey, Turma da Mônica, Harry Potter, Os Flintstones, Os Smurfs, Alice no país das Maravilhas, Branca de Neve, Frozen, Miraculous, Chapeuzinho Vermelho, Princesas, Turma da Moranguinho, Turma do Chaves, Patati Patatá; dentre outros, são atrativos para festas de aniversário.

Bonecas de pano tradicionais, também são uma ótima pedida para decoração de eventos cujo tema é Festa das bonecas.

Você pode empreender com bonecos de pano de duas formas: vendendo ou alugando para eventos. Outra ideia interessante é a fabricação de bonecas de pano em miniatura para enfeites de mesa ou lembrancinhas de eventos.

UTENSÍLIOS DECORATIVOS

Decoração em balde

 

Já pensou que tudo o que é reciclável pode virar artesanato? Ou seja, todo material reciclável pode ser uma nova fonte de renda. É a famosa expressão:

“O lixo que pode virar luxo. ” Vamos sugerir algumas ideias práticas para você não ficar parado e empreender neste setor.

GARRAFAS DE VIDRO: elas iriam para o lixo, mas podem virar lindas peças decorativas. Podem servir para compor lindíssimos vasos de flores artificiais.

Você pode lucrar sugerindo aos seus clientes uma decoração com garrafas de vidro nas mesas de uma festa de aniversário, por exemplo. As garrafas também podem compor belíssimas luminárias.

Lugares com decorações rústicas (como barzinhos e restaurantes) têm apostado neste tipo de decoração.

LATAS: revestida de tecido e com outros materiais decorativos como rendas, pérolas e manta de strass, as latas, assim como as garrafas, também podem ser usadas como vasinhos de flores para decorações em geral.

Você pode utilizar um revestimento de crochê em diferentes pontos, ou jutas com aplicações de rendas e criar lindos porta-canetas. E que tal, utilizá-las no cultivo de temperos?

Reviste-as com materiais rústicos e plante temperos como manjericão, salsinha, coentro e outros. Esta ideia pode ser lucrativa, tendo em vista que o investimento em materiais é muito pequeno.

BALDES: que tal usar um balde velho e transformá-lo em um charmoso puff artesanal? Revestido de sisal e com um acento de tecido você pode dar uma “cara nova” em um objeto que seria descartado.

Baldes também podem ser usados como nichos organizadores. Você pode colocá-los no quarto das crianças para organizar os diferentes tipos de brinquedos.

A pintura é o revestimento mais utilizado, mas não se descarta a possibilidade de usar técnicas com tecidos, cordões, capas de crochê, papeis adesivos e muito mais.

Enfim, o empreendimento com o artesanato é vasto e só depende da criatividade do artesão. Não há como julgar qual o tipo de artesanato é mais rentável.

Os lucros de cada artesão são proporcionais as suas habilidades e à criatividade envolvida em uma peça. Nosso incentivo é que você invista em esforços no tipo de arte que você goste de fazer.

O prazer de criar e inovar peças artesanais é o fator primordial para que sua “marca”, ou seja, “sua identidade” fique expressa no seu trabalho. Isto gerará valor para suas obras.

Segundo o jornalista e romancista francês Émile Zola (1840-1902): “Há dois homens no interior do artista: o poeta e o artesão. Um já nasce poeta, o outro se torna artesão”.

Portanto nossa dica é: invista em você mesmo! Desenvolva-se na arte do artesanato e desfrute da rentabilidade deste empreendimento!

Deixe uma resposta